Estratégia: Como criar uma eficaz de marketing de conteúdo em 4 passos?

Estratégia: Como criar uma eficaz de marketing de conteúdo em 4 passos?

Uma boa estratégia de marketing deve contar com conteúdos de muita qualidade, e esse tópico está em alta nos últimos anos porque é condizente com todas as mudanças no comportamento do consumidor moderno.

estratégia

Também é algo essencial para que as estratégias de SEO tenham bons resultados e o site apareça bem posicionado nos resultados de pesquisa. Nessa estratégia, o conceito de qualidade não é algo subjetivo.

Para o Google, um bom conteúdo é aquele que entrega todas as informações que o usuário procura, além de abordar assuntos relevantes para as pessoas.

Isso significa que as empresas devem falar sobre esses assuntos, desde que estejam relacionados ao seu segmento de atuação. Trata-se de algo muito importante porque o consumidor moderno quer estar sempre bem informado.

As empresas que são vistas como líderes naquilo que fazem são aquelas que educam a audiência e mostram seu domínio no segmento de atuação. Na internet, conteúdo é rei, por isso, tentar fugir dessa realidade é um erro grave.

Mas para produzir materiais realmente condizentes com os interesses da audiência da marca, primeiro é necessário saber de que maneira fazer isso, qual é a importância de produzir conteúdos de qualidade e qual é o conceito desse tipo de material.

Entenda o que são conteúdos com qualidade

Muitas empresas e até redatores se perguntam o que realmente é um conteúdo de qualidade. Saber produzir esses materiais é essencial para conquistar mais visitantes e melhorar os resultados das plataformas usadas pela empresa, como:

  • Blog;
  • Site;
  • Loja virtual;
  • Redes sociais.

Porém, muitos se perguntam quem avalia realmente a qualidade de um conteúdo. Alguns acreditam que seja o Google, outros acreditam que são as estratégias de SEO e por aí vai.

Mas quem vai dizer se os materiais publicados por um fabricante de persiana madeira branca são realmente conteúdos de qualidade é o próprio usuário.

Muitas marcas se preocupam em agradar os algoritmos do Google quando estão criando os conteúdos para o blog ou site, mas quando entendem que são os usuários que vão categorizar o nível da produção, começam a pensar diferente.

Cada pessoa possui suas próprias características e apresenta uma intenção de busca diferente, mas todas elas sabem muito bem o que querem. Até mesmo o Google não consegue definir exatamente a intenção de busca.

Mesmo que a qualidade do material seja atribuída pelo usuário, existem ações que a empresa pode adotar para que seus conteúdos sejam cada vez mais relevantes e atraentes.

São boas práticas que qualificam o material para os usuários e para os mecanismos de busca. De qualquer forma, pode-se dizer que conteúdo de qualidade é aquele que esclarece as dúvidas da persona e explica determinado assunto.

Para um fabricante de espelho para banheiro, conteúdo de qualidade é aquele que consegue aparecer bem posicionado nos resultados de pesquisa, e essa definição também está correta.

Mas não se pode esquecer que um bom material é aquele que é direcionado à persona, abordando assuntos de seu interesse, de maneira aprofundada, com linguagem adequada e de acordo com o segmento do negócio.

Como criar conteúdos de qualidade

Para criar materiais que realmente sejam capazes de cativar a audiência, a companhia precisa investir em algumas práticas, como:

Escrever para os leitores

Os conteúdos apenas são de qualidade se os leitores fizerem essa consideração, por isso, a empresa nunca deve escrever para ela mesma. Pelo contrário, é necessário considerar aquilo que as pessoas querem ler a respeito.

O material precisa conter todas as informações que as pessoas estão procurando, e para descobrir quais são elas, é muito importante fazer uma pesquisa de palavras-chave.

Isso vai ajudar o negócio a escrever pautas e utilizar as palavras usadas pelo público para procurar esses assuntos.

Considerar a intenção de busca

A intenção de busca é o motivo que faz uma pessoa procurar sobre determinado assunto, ou seja, aquilo que existe por trás de sua pesquisa.

Por exemplo, quando alguém pesquisa no Google sobre terceirização de copeira, pode estar interessado em contratar esse serviço ou apenas saber mais sobre ele.

É importante notar que são duas coisas diferentes e é exatamente por isso que a intenção de busca faz toda a diferença para a qualidade do material. Ele será útil para o usuário se conseguir se encaixar nas necessidades da pessoa.

Agora, se o indivíduo acessa uma plataforma por meio de uma pesquisa e apenas encontra uma página tentando vender produtos e serviços, então a qualidade será péssima.

A intenção de busca pode ser informativa, ou seja, quando o usuário quer uma informação. Também pode ser navegacional, quando o indivíduo está procurando um site específico.

Agora, se uma pessoa faz uma pesquisa transacional sobre chapa drywall verde, então é porque tem a intenção de comprar. Por fim, a pesquisa investigativa é quando o usuário quer saber características de um produto ou serviço para comprá-lo no futuro.

Fazer atualizações

Não basta apenas produzir conteúdo de qualidade, pois isso nem sempre é suficiente para manter o nível de relevância perante os usuários e os mecanismos de pesquisa.

Na verdade, a marca precisa atualizar os materiais que já foram publicados para fazer com que as pessoas encontrem as informações corretas.

Trata-se de uma ação fundamental porque aumenta a confiabilidade, além de ser uma prática muito importante para o SEO porque mostra para o buscador que a plataforma passa por atualizações constantes.

Além do mais, fazer essa atualização é um passo crucial para manter a estrutura do canal sempre saudável, assim sendo, a empresa precisa reservar um tempo para atualizar os conteúdos que publica.

Produzir materiais atraentes

Se um fabricante de direção eletro hidráulica deseja que as pessoas leiam seu conteúdo e enxerguem a qualidade dele, precisa fazer com que a leitura seja fácil e atraente.

É fundamental prestar atenção nas palavras usadas e escrevê-las de modo que seja possível compreender com facilidade. A marca deve evitar uma grande quantidade de textos sem subtítulos porque isso prejudica a escaneabilidade.

Além disso, os usuários costumam dar uma olhada geral nos títulos e subtítulos para se certificar de que vão encontrar exatamente aquilo que estão procurando.

Também é interessante evitar linhas e parágrafos muito longos porque tornam a leitura mais cansativa. E para que o texto fique ainda melhor, vale a pena intercalar com imagens, gráficos e vídeos.

Importância de possuir conteúdos de valor

Investir em conteúdo de valor é essencial para as empresas por diversas razões. Em primeiro lugar, trata-se de uma excelente alternativa para melhorar o relacionamento com os clientes.

Se uma pessoa quer colocar prótese de silicone 300 ml e está em dúvida entre dois profissionais, vai optar por aquele que se preocupa em esclarecer suas dúvidas e não por aquele que só se preocupa em vender.

O consumidor moderno gosta de receber atenção e sentir que a empresa oferece oportunidades exclusivas. Assim sendo, a partir do momento em que a marca oferece conteúdo feito especialmente para essas pessoas, consegue criar um laço com elas.

Esses materiais também são valiosos para que a organização esteja presente na vida do consumidor e não apenas quando ele quer comprar alguma coisa.

Por exemplo, uma marca de sabão em pó pode ter um blog com dicas de limpeza, como lavar persiana romana sala usando o sabão da empresa, falar sobre decoração, entre outros assuntos.

A intenção não é vender nada, mas ajudar os usuários em seu dia a dia, fazendo com que a companhia esteja presente em sua vida. Dessa forma, ela será lembrada quando chegar o momento de comprar.

Outro benefício inegável que explica a importância de produzir bons conteúdos é que o site da marca estará bem posicionado nos resultados de pesquisa do Google.

Quanto mais materiais interessantes e com bons acessos a empresa tiver, mais destaque terá sua plataforma e sua marca, tanto no Google quanto em outros buscadores.

Quem produz bons conteúdos conquista visibilidade e não abre espaço para os concorrentes. Por fim, um fornecedor de kit lanche gourmet é capaz de conquistar embaixadores para sua marca.

Isso acontece porque quando o conteúdo é realmente bom, o usuário vai compartilhá-lo nas redes sociais, fazendo com que mais pessoas tenham acesso ao material e conheçam a empresa.

Mesmo que esse usuário não compre, o fato de compartilhar aumenta as chances de vendas porque outros consumidores vão ficar sabendo sobre o conteúdo, a empresa e as soluções que oferece.

Considerações finais

Qualquer negócio que queira se destacar nos dias de hoje precisa investir em produção de conteúdo, pois é assim que estabelece uma comunicação com a audiência e alcança novos patamares.

Com materiais bem produzidos, os consumidores têm mais facilidade para enxergar o valor do negócio e o quanto ele é relevante no mercado em que atua.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Top News Tech, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.