Métricas: Aprenda a analisar seu site

Métricas: Aprenda a analisar seu site

No marketing digital, a mensuração das métricas é de extrema importância e elas influenciam todas as decisões. 

Por isso, ter acesso aos dados, transformá-los em informações e, finalmente, ter conhecimento para tomar decisões para o sucesso de uma campanha de marketing é de grande importância.

As métricas estão presentes em todos os lugares e são usadas para tomar decisões todos os dias. É como se os indicadores fossem essenciais para operar um veículo, ou utilizar um smartphone.

Assim, as métricas são capazes de indicar o desempenho de uma campanha de Google Ads para um empresa que confecciona lembrancinhas de aniversario infantil squeeze e assim, a organização pode avaliar o que deu certo e o que precisa melhorar.

Outro exemplo é o número de curtidas e compartilhamentos nas plataformas de mídia social. Essas estatísticas não indicam necessariamente que uma empresa é bem-sucedida.

Se, ao analisar as métricas associadas à aquisição de visitantes, ou seja, a origem do tráfego, um pet shop setor Oeste observa que o tráfego que vem por e-mail é mais rentável do que o tráfego proveniente de anúncios do Facebook.

Ele irá aperceber-se que a qualidade do tráfego é superior à quantidade. E ao analisar o tráfego de e-mail marketing, perceberá que os e-mails com conteúdo mais prático, enviados pela manhã, têm uma porcentagem maior de abertura e cliques.

Com isso, poderá poupar tempo ao investir apenas em estratégias que realmente dão resultados maiores e dessa forma maximizar os recursos financeiros do negócio, podendo assim investir em estratégias complementares a essa.

Mas para um negócio especializado em conserto camara fria obter o mesmo sucesso, deverá analisar por si só as métricas de sucesso, já que elas variam de acordo com o modelo de negócios da empresa e com o que ela atua.

Como analisar as métricas e qual a importância?

Ser específico sobre quais são os objetivos é o primeiro passo para uma fabricante de chinelos personalizados direito tomar decisões confiantes. Cada empresa deve reconhecer os seus próprios métodos.

Muitos seguidores, curtidas e compartilhamentos em uma página nas redes sociais, por exemplo, podem não ser o indicador mais eficaz do sucesso daquele negócio, portanto, alguns exemplos de indicadores a seguir podem ajudar.

Execução de testes A/B

Os testes A/B são comumente empregados no marketing digital e têm como objetivo determinar qual solução é mais eficaz em situações específicas.

Por exemplo, a cor e o título de um botão que promove uma compra de um produto como soft starter 15cv, o estilo de um menu ou a fonte utilizada para precificar um produto afetam diretamente as vendas.

Os testes A/B são usados ​​para ativar diferentes versões do elemento, por exemplo, a cor do mesmo botão. Por meio da análise das métricas de cliques, se pode determinar qual cor é mais eficaz para atrair cliques, por exemplo.

Uso de ferramentas de análise de métricas

A análise métrica requer a coleta de dados. Existem várias opções de software para coletar dados de todas as fontes, principalmente aquelas configuradas para isso. O mais popular é o Google Analytics, que é gratuito e capaz de analisar o tráfego de sites e aplicativos.

Com o Google Analytics é possível observar o perfil e o comportamento de quem visita o site. Por exemplo, um site de troca de conector de bateria pode ter inúmeros insights sobre o comportamento de quem contrata os serviços.

Esses insights podem incluir o tipo de dispositivo que utilizam para acessar o site, sua origem, as páginas que visitou, o tempo de visita e os produtos e serviços específicos que os usuários adquiriram.

O Google também oferece o Google Analytics 360, uma versão paga que se destina a sites e aplicativos com alto volume de visitantes e que exigem medições mais precisas e personalizadas.

Outras empresas que fornecem ferramentas de análise da web incluem IBM e Adobe, no entanto, nenhuma dessas empresas possui uma versão gratuita.

Compreensão do Big Data

Um relatório da multinacional IDC, especializada em pesquisa de mercado, estimou que o volume de dados armazenados em data centers aumenta cerca de 2% a cada dois anos. 

Diante dessa vasta quantidade de dados, grandes empresas de tecnologia têm tentado desenvolver novos métodos de processamento e análise de grandes quantidades de dados. 

Apesar do volume, muito pouco dos dados armazenados ao redor do mundo são analisados ​​ou transformados em informações úteis, esse é o principal desafio.

O termo Big Data foi criado quando empresas que coletam grandes quantidades de dados começaram a analisar esses dados e tomar ações importantes para seus negócios.

As administradoras de cartão de crédito, por exemplo, ao analisar milhões de transações, possuem informações que auxiliam na detecção de atividades fraudulentas.

Eles identificam padrões no comportamento de compra das pessoas e evitam transações que se desviem desses padrões.

Isso facilita as transações financeiras, reduzindo o risco, bem como as taxas. Esse tipo de insight só seria possível por meio da coleta de muitas informações.

Big Data tornou-se um conceito valioso, aponta tendências em como e por que grandes empresas devem analisar os dados que coletam e enfatizam a importância da análise de métricas em um novo grau.

Quais são as métricas que deve ser analisadas

Existem diversas métricas para a serem analisadas que ajudam a entender o desempenho de um site, dessa forma, é possível afirmar que não existem métricas boas ou ruins, porém diferentes e que servem propósitos distintos para ações específicas.

Algumas delas são mais importantes que outras, já algumas são principais para todo tipo de negócio, basta compreender a importância de cada uma delas para o objetivo que se deseja atingir.

Então, se por exemplo, uma clínica veterinária especializada em ultrassom veterinário com doppler quiser metrificar o desempenho das campanhas de seu site precisa ficar atenta em alguns dados como:

Quantidade de visitas

O número de visitas pode ser contabilizado como total e recorrente. Na primeira é possível ter uma ideia geral da visitação, mas com a segunda já é possível ter um impacto significativo.

A frequência de visitas a um conteúdo indica se ele está sendo aceito ou não. Quando o usuário não retorna, o que se entende é que o que ele descobriu ali não foi suficiente para ele voltar novamente.

Os relatórios das ferramentas de análise são inestimáveis ​​para poder observar se o seu site está aumentando, diminuindo ou mantendo seu status. Com eles em mãos, a empresa só precisará compreender os componentes e reconhecer os temas mais populares.

Taxas de cliques

Essa métrica é particularmente benéfica para anúncios ou e-mails de marketing destinados aos usuários e clientes. Cada ação emprega essa métrica de uma maneira diferente, mas todas são benéficas de acordo com as necessidades da empresa. 

A taxa de cliques destina-se essencialmente a determinar quanto cada cliente está a custar. Como o anúncio deve ser pago, quanto mais pessoas clicarem nele e o converterem em receita, menor será o custo.

Por isso, essa métrica é útil para determinar se é necessária uma mudança na estratégia, no texto ou em ambos para obter um resultado mais expressivo.

Quantidade de conversões

Uma ferramenta que demonstra o número total de conversões que um site voltado a comercializar caixa para entregar pizza alcançou é simples de entender, mas extremamente benéfica.

Ele quantifica o valor dos esforços feitos, como cada página afeta diretamente a taxa de conversão e permite que a empresa avalie cada um de forma mais eficaz.

Saber o que não funciona no site é crucial. Só reconhecendo as falhas é possível melhorá-las e atingir os objetivos pretendidos.

4 dicas para melhorar o desempenho do site

Para aprimorar a funcionalidade do site, basta seguir algumas diretrizes simples, sendo a mais notável delas:

  • Ter uma boa responsividade;
  • Possuir páginas leves;
  • Ter conteúdos de qualidade;
  • Usar as palavras-chave certas.

Agora, também é fundamental entender um pouco mais sobre cada um dos assuntos para facilitar a aplicação dessas estratégias.

Ter uma boa responsividade

Para o usuário é desagradável tentar acessar um site que funciona no computador, mas não funciona no celular, ou que demora para carregar. E isso deve ser considerado porque a maioria dos acessos ocorre por meio do celular.

Apesar do tremendo avanço tecnológico, ainda existem plataformas que carecem dessa funcionalidade. Mais do que permitir qualquer forma de acesso, a responsividade é uma preocupação do Google na hora de ranquear plataformas.

Possuir páginas leves

Leveza e mobilidade são fundamentais para o desempenho de um site, tanto que o tempo de carregamento, como apresentado anteriormente, tem um impacto significativo em sua avaliação.

Ninguém tem paciência de esperar um minuto para que as imagens e informações apareçam na tela, caso isso ocorra, o usuário simplesmente desistirá e procurará a plataforma dos concorrentes.

Ter conteúdos de qualidade

O conteúdo deve ser de alta qualidade e relevante para o público-alvo, além de estar totalmente alinhado ao mercado em que a empresa atua.

Também são necessárias ilustrações de alta qualidade que expliquem o que está sendo discutido e não apenas para ocupar espaço.

Usar as palavras-chave certas

Palavras-chave são termos que os usuários da Internet usam para pesquisar tópicos nos mecanismos de busca. Eles devem ser incorporados aos esforços de marketing digital da empresa, incluindo o conteúdo que ela produz.

É fundamental entender o público-alvo da marca e realizar pesquisas sobre a área de atuação específica do negócio para entender quais palavras são mais utilizadas nesse contexto.

Considerações finais

Um site institucional é de suma importância para os negócios. Deve ser devidamente cuidado e o proprietário deve estar sempre atento ao seu desempenho.

Fazer as alterações necessárias é a forma mais eficaz de evitar esta situação e cumprir todos os objetivos pretendidos da plataforma.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.